Marquage tuyau fonte NATURAL Saint-Gobain PAM

Revestimento Ductan

Soluções técnicas

Revestimento Ductan

A gama BLUTOP caracteriza-se por um revestimento interior DUCTAN colocado em fábrica no interior dos tubos. O revestimento interior DUCTAN cobre a totalidade do interior do tubo que vai do embocamento até à extremidade da ponta lisa.

Proteção

As águas potáveis podem revelar-se agressivas para as tubagens, quer seja pela sua composição mineral, quer seja pelos produtos de tratamentos, tais como os oxidantes. É a razão pela qual as tubagens em ferro fundido dúctil têm um revestimento interior. Tradicionalmente, o revestimento interior das tubagens em ferro fundido é uma argamassa de cimento de alto-forno.
 
Com a gama BLUTOP, a argamassa de cimento é substituída por um revestimento termoplástico DUCTAN de cor azul ultramarino. É realizado por deposição electroestática a quente numa superfície previamente preparada com cuidado.
 
Este revestimento apresenta as mesmas características funcionais que o revestimento em epóxi por deposição electroestática dos acessórios. Perfeitamente aderente, com um valor médio de aderência de 14 MPa (140 kg/cm2) e um valor mínimo de 8 MPa, DUCTAN suporta sem dano:
  • as perfurações em carga,
  • os cortes em obra.
Totalmente liso, DUCTAN permite minimizar as perdas de cargas . Sem descontinuidade do embocamento à ponta lisa do tubo, DUCTAN garante uma proteção integral do fuste. Leve, DUCTAN permite reduzir de 25% o peso do tubo. Mais fino que o revestimento em cimento, DUCTAN permite aumentar a secção hidráulica do tubo. O revestimento DUCTAN apresenta para além da vantagem de ser resistente aos impactos e, por conseguinte, não se escamar em caso de choque pontual.

Características do material

O material termoplástico DUCTAN utilizado para o revestimento interior dos tubos BLUTOP responde às características do quadro que se segue:

Caption: 
O material termoplástico DUCTAN utilizado para o revestimento interior dos tubos BLUTOP

Os ensaios de migração dos produtos orgânicos na água evidenciam níveis muito baixos de migração e velocidades de migração que traduzem a grande pureza do material DUCTAN.

Caption: 
Resultados dos ensaios de migração do revestimento DUCTAN

Superfícies interiores duradoiras

As superfícies interiores das tubagens BLUTOP são constituídas por DUCTAN para os tubos e por epóxi para os acessórios. Estes 2 revestimentos cobrem uniformemente o interior das tubagens, assim como as superfícies de estanqueidade. O epóxi é bem conhecido como revestimento dos aparelhos de válvulas e apreciado pela sua inércia química na água. O revestimento DUCTAN também tem propriedades similares ao epóxi, mas que, além do mais, resiste aos impactos, o que é mais adaptado para os tubos.

 
Estas superfícies são perfeitamente lisas e inertes, o que tem por efeito limitar a formação dos depósitos nas condutas.
O comportamento do revestimento DUCTAN foi estudado durante milhares de horas em contacto com produtos de desinfeção tais como:
- o hipoclorito
- o dióxido de cloro
 
O teor em cloro da água era de 10 ppm, ou seja 100 vezes o valor utilizado. A temperatura era de 40°C. Estes dois fatores permitem acelerar o envelhecimento eventual e avaliar a durabilidade da proteção.

Estudo do comportamento em contacto com hipoclorito e dióxido de cloro

Caption: 
EEstudo do comportamento em contacto com hipoclorito e dióxido de cloro

As principais conclusões destes estudos são as seguintes:
- uma boa estabilidade da estrutura química,
- uma ausência de evolução química confirmada pela ausência de fissuração ou de erosão de superfície,
- as propriedades mecânicas em elongação-tração não são significativamente alteradas.

Desenvolvimento bacteriano

Do ponto de vista da qualidade bacteriológica das águas, o caráter inerte e duradoiro do revestimento interior DUCTAN não estimula o desenvolvimneto bacteriano (confirmado pelos ensaios Hydrocheck na Bélgica).
De facto, o revestimento interior DUCTAN, por ser inerte, não transmite compostos carbonados suscetíveis de favorecer o aumento das colónias de bactérias ao levar-lhes nutrientes.

Aprovações europeias

BLUTOP é uma gama de dimensão europeia que também dispõe atualmente de aprovações de potabilidade para o revestimento interior DUCTAN em vários países europeus, nomeadamente:
- conformidade ao procedimento de aprovação da EPAL em Portugal para "MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO EM CONTACTO COM ÁGUA DESTINADA AO CONSUMO HUMANO" 
- conformidade ao procedimento de aprovação “Hydrocheck“ na Bélgica, entregue por Belgaqua.
- conformidade aos procedimentos de aprovação UBA-Guideline e DWG-W260 na Alemanha, entregues pela Hygiène-Institut dos Ruhrgebiets de Gelsenkirchen.
- conformidade à norma BS 6920 entregue pelo WRAS no Reino-Unido.
- conformidade à “regulação 31 (4)’a) “ do DWI na Inglaterra, Países de Gales e Escócia entregue pelo DWI, na base do relatório do WRC.
 
Outras aprovações estão na fase de obtenção em outros países europeus.

Informações adicionais

Excerto do projeto de Opinião Técnica do CSTB – Conformidade às normas de referência:
O revestimento interior termoplástico DUCTAN dos tubos não está sujeito a qualquer norma específica tendo em conta o seu caráter inovador. Todavia, os principais desempenhos funcionais deste revestimento são equivalentes a um revestimento em epóxi conforme à norma EN 14901: 2006.
 
As especificações seguintes sobre o epóxi não são retomadas:
- resistência à indentação: o revestimento DUCTAN é depositado no interior do tubo. Não sofre da ação de perfuração do solo.
- resistência ao envelhecimento ao ar: o revestimento DUCTAN fica apenas em contacto com a água em utilização. Antes do assentamento dos tubos, estes são tapados, evitando assim todas as exposições aos raios solares.
 
Reticulação: o revestimento DUCTAN é um termoplástico que não é sujeito de um tratamento de cozedora no intuito de reticular o material.
A resistência ao envelhecimento na água é sujeita a uma especificação particular, assim como a resistência ao impacto.

Ensaio de desempenho

A aderência média do revestimento interior termoplástico DUCTAN deve atingir pelo menos 8 MPa, e um valor individual mínimo de 6 MPa, quando é medida segundo a norma EN ISO 4624:2003. A quantidade mínima de pontos de medida é de 9. Na prática, valores na ordem de 15 Mpa, ou mais, são medidos.


Caption: 
Ensaio de desempenho do revestimento interior termoplástico DUCTAN das tubagens BLUTOP

Quando é medido com uma tensão de 1 500 V, a superfície interior do tubo deve estar sem qualquer porosidade. As porosidades são permitidas nas zonas designadas, as extremidades, isto é, ponta lisa e embocamento.
 
A resistência ao impacto da proteção interior é controlada na base da norma EN ISO 6272-1:2004 com impacto na superfície oposta ao revestimento.
A altura de queda da massa de 1 kg, cabeça esférica de um diâmetro de 20 mm, deve ser de 1m. A trajetória da massa deve ser perpendicular à esta superfície.
 
A durabilidade da proteção anticorrosiva no interior DUCTAN é medida após um ensaio de imersão na água segundo EN ISO 2812-2:1995, mas a uma temperatura de 50°C (em vez de 40°C). A duração da exposição é de 48h. Em cada amostra será gravado um V invertido (realizado a partir do ângulo agudo) sobre 1 mm de largura de traço e de 50 mm de comprimento no mínimo. A avaliação diz respeito a 2 zonas.
 

Caption: 
Critérios para avaliação da durabilidade da proteção interior das tubagens